Módulo V – Monitoramento e Controle


A última etapa do processo de planejamento estratégico é o monitoramento e controle da estratégia. Baseado nos objetivos definidos inicialmente, agora é hora de controlar e mensurar se as metas foram atingidas.


Processo de Implementação do Balanced Scorecard


Para a definição do processo do Balanced Scorecard (BSC) utiliza-se a ferramenta de Mapa Estratégico. O mapa estratégico é uma ferramenta que serve como base para a priorização de recursos, também explicita relações de causa e efeito entre ações individuais e resultados para a empresa (muitas vezes esclarecendo como ativos intangíveis geram valor tangível), e […]

Continue Lendo



Perspectiva de Inovação e Aprendizado do Balanced Scorecard

A quarta e última perspectiva do BSC está relacionada com o desenvolvimento dos objetivos e medidas para orientar o aprendizado e o crescimento organizacional. A capacidade de lançar novos produtos, agregar mais valor para os clientes e melhorar continuamente a sua eficiência operacional faz com que a empresa seja capaz de ingressar em novos mercados […]


Continue Lendo




Perspectiva de Processos Internos do Balanced Scorecard

As atividades internas devem estar direcionadas para o atendimento voltado para os clientes. Afinal, o desempenho excelente do ponto de vista do cliente decorre de processos, decisões e ações em todo o âmbito da organização. Kaplan e Norton (1997), afirmam que “no Balanced Scorecard, os objetivos e medidas para a perspectiva dos processos internos derivam […]


Continue Lendo




Perspectiva de Clientes do Balanced Scorecard

Sabe-se que a missão de muitas empresas hoje é se concentrar nos clientes. Um desejo comum entre as empresas está apontado na declaração da missão, que é: “Ser considerada como a primeira no fornecimento, ou capacidade de agregar valor aos clientes” esta é uma declaração de missão típica. O enquadramento do interesse dos clientes para […]


Continue Lendo




Perspectiva Financeira do Balanced Scorecard

As medidas financeiras demonstram as conseqüências econômicas imediatas de ações consumadas. Kaplan e Norton (2000) afirmar que “os indicadores de desempenho financeiro mostram se a implementação e a execução da estratégia da empresa estão contribuindo para a melhoria dos resultados”. Os objetivos financeiros podem diferir consideravelmente em cada fase do ciclo de vida de uma […]


Continue Lendo




Perspectivas do Balanced Scorecard

Para se criar um BSC que efetivamente traduza as estratégias e missão da empresa em metas e indicadores específicos, os autores do modelo converteram esses elementos da estratégia em quatro perspectivas distintas: financeira, dos clientes, dos processos internos, e do aprendizado e crescimento. Na defesa do modelo, Kaplan e Norton (1997), sugerem que as quatro […]


Continue Lendo




Histórico do Balanced Scorecard

Este histórico foi adaptado do artigo “Balanced Scorecard com modelo de gestão estratégica: um estudo de caso da Gol Linhas Aéreas Inteligentes”, de Cláudio de Almeida Fernandes, da Universidade Federal de Uberlândia. A base para o estudo do BSC surgiu em de 1990, quando o Instituto Nolan Norton, unidade de desenvolvimento e pesquisa da KPMG, […]


Continue Lendo




Balanced Scorecard

De acordo com seus criadores, Kaplan e Norton (1997), “O Balanced Scorecard (BSC) é basicamente um mecanismo para a implementação da estratégia, não para sua formulação […] ele oferecerá um mecanismo valioso para a tradução dessa estratégia em objetivos, medidas e metas específicas.”. Os objetivos estratégicos de uma empresa são atingidos quando a diretoria é […]


Continue Lendo




O caso do painel do avião

Este caso serve para introduzir o estudo do Balanced Scorecard, demonstrando a importância da definição e utilização de indicadores diversos numa organização. Kaplan e Norton (1997) começam pedindo que o leitor imagine-se entrando na cabine de um avião a jato, que possui apenas um instrumento, e relatam o diálogo (extraído na íntegra) a seguir: Passageiro: […]


Continue Lendo




A necessidade de múltiplos indicadores

Kaplan e Norton (1997) afirmam que, dentro de uma organização, você deve possuir indicadores que cubram todos as diferentes áreas de uma organização. Dizem ainda, que, historicamente, o sistema de indicadores das organizações sempre teve natureza financeira. Desde o final do século XIX, uma série de indicadores financeiros foram criados, e são utilizados até hoje […]


Continue Lendo





    class='wp-pagenavi' role='navigation'>
  • 1
  • 2