Remarketing: o que é, como funciona e por que inserir na sua estratégia

Categoria: Marketing Digital | 25.10.2021 | sem comentários



Estratégia de marketing, conectando o conceito de dispositivos digitais Foto gratuita

As empresas devem investir diariamente em estratégias de marketing digital para conseguir destaque no mercado. O remarketing é uma das diversas estratégias que podem ser utilizadas para fortalecer a imagem do negócio no ambiente online e reter o público, e nesse caso trazer potenciais clientes de volta para a loja.

O que é Remarketing?

O Remarketing consiste em fazer marketing para um determinado cliente “novamente”, ou seja, é causar um impacto positivo para alguém que já demonstrou algum interesse no seu produto ou serviço mas que por algum motivo não finalizou uma compra, por exemplo.

Esta estratégia, na prática, é feita com envio de campanhas no e-mail que ajudam a retomar a base de clientes, além de dar um incentivo para eles realizarem alguma ação. 

Um fator interessante é que o remarketing pode ser usado em várias situações, desde um alerta para promoções até um e-mail para lembrar itens esquecidos no carrinho de compras.

Vantagens do Remarketing nos negócios

A função do remarketing é melhorar e aumentar as conversões. Considerando o fato de que os consumidores nunca realizam a compra em uma primeira busca. 

Os visitantes do e-commerce (loja virtual) realizam muitas pesquisas antes de fazer suas compras.

Ao utilizar o remarketing, as empresas e marcas permitem que os consumidores tenham um contato mais intimista com os produtos e serviços, graças ao envio de mensagens personalizadas por e-mail ou inbox nas redes sociais.

Com esta ação, as pessoas relembram a oferta e repensam mais sobre a decisão de compra até realizá-la. Esta estratégia é muito semelhante ao follow up utilizada no marketing digital.

As principais vantagens do remarketing são:

  • Mantém a marca na mente dos clientes;
  • São ações mais econômicas;
  • Amplia o alcance;
  • Permite focar mais nos anúncios para conversões;
  • Permite converter os leads em potenciais clientes;
  • Segmenta a audiência;
  • Melhora o ROI (Retorno sobre Investimentos);
  • Traz maior interação no site.

Estas são apenas algumas das diversas vantagens que o remarketing agrega para os negócios, ajudando positivamente no sucesso com os clientes e no faturamento.

Como criar campanhas de remarketing?

Em toda estratégia de marketing, o planejamento é essencial para obter excelentes resultados e conseguir um bom mapeamento dos leads que podem estar em diferentes estágios de compra.

Após analisar em quais momentos os leads estão, os profissionais podem utilizar um sistema de listas para o remarketing. Nesta lista, os visitantes são divididos conforme as ações tomadas.

Remarketing e Inbound Marketing

Combinar o Inbound Marketing com o Remarketing é um excelente investimento para ter uma estratégia de marketing poderosa. O principal objetivo é promover conteúdos e incentivar os visitantes a se tornarem assíduos.

Criar conteúdos que propõem soluções, por exemplo, pode criar o interesse das pessoas pela empresa ou marca, aumentando as chances de gerar mais leads e audiência.

O remarketing foca na aceleração da decisão de compra. Aliar esta estratégia com o Inbound é uma maneira de criar mais oportunidades para os clientes avançarem no funil de vendas e realizar compras.

Remarketing e anúncios pagos

A estratégia de remarketing pode ser implementada nos anúncios pagos. Os usuários ao navegar no Google para realizar suas pesquisas podem se deparar com anúncios textuais, gráficos e de itens que as pessoas desejam.

O posicionamento destes anúncios consiste no remarketing em ação, que pode ajudar a aumentar as vendas, o número de clientes e principalmente com custo baixo sem comprometer o orçamento do negócio.

Estes anúncios que vivem aparecendo são frutos da estratégia de retargeting. Esta consiste em reforçar e converter os visitantes a dar uma atenção às ofertas, através de anúncios pagos, posicionados em locais estratégicos.

As plataformas Ads que podem ser utilizadas para o desenvolvimento de anúncios e campanhas são o Twitter Ads, Google Ads, Facebook Ads, Instagram Ads, Linkedin Ads, Youtube Ads, entre outras.

Isso porque é possível direcionar tais ações de campanhas exatamente para esse público que precisa ser reativado, fortalecendo a imagem da marca em seu imaginários e lembrando de efetivar a compra, por exemplo.

Neste contexto, o Google Ads também pode ser aplicado e os formatos de anúncios mais utilizados são: rede de display, rede de pesquisa, Google Shopping, anúncios em vídeos e nos aplicativos.

Para conseguir excelentes resultados, os profissionais podem utilizar as estratégias de Marketing de Conteúdo no remarketing

A principal função do marketing de conteúdo é atrair os clientes com o uso de materiais de qualidade e específicos.

Portanto, os investimentos na estratégia de remarketing podem render muitos ganhos positivos, como aumento nas vendas, popularidade para a empresa ou marca, mais clientes satisfeitos, além do crescimento do negócio, com novas oportunidades de parcerias.



Comente





Posts Relacionados